PUB
mascote
Banner Favoritos
PUB


Desencane sobre o seu corpo!

O mal dessa geração é claro: ninguém sabe amar o próprio corpo e muito menos valorizá-lo como ele merece. Fato é que a grande maioria das pessoas tem problemas de autoestima, mas isso tem aumentado muito com o passar dos anos.

O padrão de beleza intoxica a mente de milhares de jovens, de maneira que isso fique enraizado durante toda a vida, criando adultos inseguros e muito propícios a relacionamentos abusivos.

Cada pessoa tem os seus próprios problemas relacionado a autoestima, cada um de uma maneira diferente. Justamente por isso é que não existe uma abordagem única que sirva para todos, é por isso que este é um assunto tão importante de se abordar.

Não me sinto à vontade para fazer sexo, e agora?!

Tanto os homens quanto as mulheres muitas vezes podem não se sentir seguros para fazerem sexo. Isso acontece devido as pressões impostas de que a mulher precisa ser magra e alta, enquanto o homem precisa ser forte e musculoso.

Nada disso condiz com a realidade, todos os corpos podem ser atraentes. O fato aqui é que você precisa desencanar, afinal, o sexo deve ser feito no intuito de ter prazer, e enquanto você se preocupa isso dificilmente irá acontecer.

Aprenda a respeitar o seu corpo do jeito que ele é, aprenda a enxerga-lo com olhos de amor. Não importa como, você precisa estar a vontade para tirar a roupa e se entregar na cama, se não isso não será proveitoso para nenhum dos envolvidos.

Quando perceber que está desconfortável, vá para a frente de um espelho, observe o seu corpo, as suas curvas, as suas medidas. Aprecie a visão do seu corpo no espelho, sinta desejo por isso, é a única maneira de quebrar padrões de conhecimento.

Minhas medidas: não consigo me achar atraente

Há quem acredite que esse é um problema exclusivo das mulheres, mas muitos homens são super encanados sobre peso e medidas.

Existem pessoas que simplesmente não se sentem atraentes, desacreditando da possibilidade de que outra pessoa possa sentir algo por elas, inclusive tesão.

Isso é uma grande balela, pura autossabotagem. Todas as pessoas são desejáveis e todas as pessoas são excitantes em potencial, o que muda isso é a maneira como você se comporta diante de suas inseguranças.

Se você acredita que o seu pênis é pequeno demais, você pode investir no prazer preliminar, no prazer do sexo oral e só depois partir para a penetração. Se o homem souber fazer direito, mulher nenhuma vai reclamar do tamanho.

O mesmo para as mulheres, não importa se você está “acima do peso”, se você se entregar na cama e fizer tudo da maneira que achar mais gostoso, você estará um passo a frente de todas as mulheres que lutam incansavelmente para agradar os homens.

Tudo o que importa é que você, caro leitor, que vê mil e um defeitos em seu corpo, pare para perceber que ele é uma fonte de vida, além de ser um instrumento raríssimo de prazer, singular e único.

Não consigo ter prazer no sexo devido as inseguranças

Muitas pessoas ainda se sentem vontade para partir para os atos sexuais, mas simplesmente não alcançam o prazer.

Isso nem sempre está atrelado à timidez sobre o outro, mas muitas vezes sobre a falta de conhecimento sobre o nosso próprio corpo.

Muitas mulheres alegam que têm boas relações sexuais, mas que simplesmente não são capazes de atingir o orgasmo. Isso acontece porque não conseguem relaxar o corpo a ponto de atingi-lo.

Isso nem sempre é culpa dos seus parceiros(as), isso pode depender da maneira como você se enxerga. Mude a sua abordagem.

Invista na masturbação, conheça o seu corpo mais a fundo e tudo será muito mais fácil, sem sombra de dúvidas.

Quando estamos tendo um bom sexo, nós não reparamos nos defeitos, isso é um fato. Lembre-se da sua melhor transa, você se lembra sobre as estrias do(a) seu parceiro(a) ou sobre a maneira como ele(a) te fez ter prazer? Pois é!

Não vale a pena ficarmos presos a esse tipo de insegurança enquanto existe um mundo imenso de prazer lá fora, esperando para que nós possamos desbravar e descobrir isso.

De fato, não importa como, devemos sempre ter em mente que desencanar é preciso. Já imaginou perder noites incríveis por conta dessas inseguranças tóxicas que estão instaladas na sua mente? Assim não dá, né?!

Mantenha o seu foco no amor próprio, qualquer pessoa que estiver decidida a dividir a sua cama com você, irá aprender a respeitar cada uma das suas diferenças e singularidades, isso é respeitoso e essencial para uma boa relação.

Se apaixone por você por cada uma das suas características, quando você fizer isso, você entenderá todos os discursos sobre amor próprio que já escutou até hoje, isso é algo completamente mágico.