PUB
mascote
Banner Favoritos
PUB


Quando os filmes pornográficos são aliados ou vilões

Aqui no blog, já falamos diversas vezes sobre os filmes pornográficos. Já falamos sobre como eles podem ser aliados de diversos relacionamentos, servindo até como inspiração para os desejos e fantasias sexuais. Ou como eles podem ser nocivos.

E você, onde se encontra quando se trata dos filmes pornográficos? É das pessoas que gosta de assistir a esse tipo de filme e que até se inspira neles? Está entre as pessoas que se sente desconfortável frente à nudez alheia ou que não concorda com a indústria?

Você sabe quando os filmes pornográficos são bons e quando são ruins para a sua vida? Bem, vamos conversar um pouco mais sobre o assunto, abordando os prós e os contras dos filmes pornôs. E aí, quer descobrir quando esses filmes são aliados e quando são vilões? Continue a leitura!

Quando os filmes pornográficos são aliados?

1 – Quando você se sente bem em assisti-lo e não depende dele para nada

Os filmes pornográficos são aliados quando somos capazes de aproveitar essa “arte” de maneira leve. Ou seja, quando conseguimos assisti-lo achando a experiência prazerosa. E quando conseguimos tirar dela boas ideias para inspirar as nossas fantasias sexuais.

E o mais importante a ser destacado é o seguinte: quando conseguimos aproveitar dessa modalidade cinematográfica sem nos tornar dependentes dela.

2 – Quando o casal se sente confortável em assistir juntos

Muitos casais optam por assistir a filmes pornográficos juntos, a fim de esquentar a relação. Isso pode ser feito em busca de inspiração para experimentar coisas novas no sexo ou até mesmo como parte das preliminares, para que o estímulo visual ajude na excitação.

Se você nunca tentou, assistir a esse tipo de filme com companhia pode ser bem gostoso, viu? Mas lembre-se de que você e o parceiro (ou parceira) devem estar confortáveis com a situação, tá? De nada adianta uma pessoa estar curtindo e a outra estar angustiada, cheia de vergonha.

3 – Quando se tem consciência de que o que acontece nas cenas é pura encenação e não a realidade

É essencial que se tenha plena consciência de que tudo o que acontece nos filmes pornográficos não condiz com a realidade. Há muita encenação. Afinal, esses filmes são feitos apenas com foco nas relações sexuais e mais nada.

As pessoas são cuidadosamente selecionadas e as cenas são bem filmadas para que os corpos pareçam sempre perfeitos. Muitas vezes, as posições sexuais inusitadas são agradáveis aos olhos, mas nem são prazerosas. E o sexo anal não é tão fácil quanto parece.

É essencial destacar que devemos saber separar a realidade do que acontece nos filmes (assim como em qualquer outro filme que não seja um documentário). Só assim conseguimos ter uma relação saudável com os filmes pornográficos.

Quando os filmes pornográficos são vilões?

1 – Quando você não consegue parar de pensar neles. Ou quando se sente dependente deles

Os filmes pornográficos passam a ser encarados como vilões se você começa a se sentir dependente deles. Infelizmente, muitas pessoas se tonam viciadas nessa modalidade de filmes e precisam até de tratamento psicológico para isso.

Um grande sinal de alerta é quando não se consegue parar de pensar nos filmes. Ou então quando se tem vontade de deixar qualquer atividade social a fim de assistir esse tipo de mídia. Ou até mesmo se a pessoa não consegue se excitar ou ter prazer sem isso.

Lembre-se de que os filmes pornôs são válidos como uma maneira de complementar e esquentar a relação. Mas, em hipótese nenhuma, devem ser utilizados como a única e exclusiva maneira de ter prazer.

2 – Quando você vai assistir a esse tipo de filme acompanhado (a) e a outra pessoa não está confortável. Ou você não está confortável

Pode ser que você fique confortável em assistir a um filme pornográfico acompanhado (a). Mas pode acontecer de a sua preferência ser assistir a esse gênero do cinema sozinho (a). Ou de a outra pessoa não ficar confortável com a situação.

Seja qual for a situação, se você estiver desconfortável ou se a outra pessoa estiver desconfortável, não vale a pena forçar a situação. De nada adianta tornar um momento que deveria ser prazeroso em uma situação angustiante ou estressante.

3 – Quando as pessoas começam a comparar a vida real com os filmes

Assistir a filmes pornôs é muito ruim quando as pessoas começam a comparar o que acontece nos filmes com a realidade delas. E pior: quando acham que podem reproduzir tudo o que acontece nesses filmes.

Cabe destacar que os filmes pornográficos são fantasiosos. Por isso, de nada adianta tentar reproduzir tudo o que acontece neles. Ou achar que os pênis deveriam ser sempre enormes e os seios deveriam ser sempre siliconados.

Concluindo...

Os filmes pornográficos ainda são um tabu para muitas pessoas. Mas cabe destacar que eles podem ser grandes aliados da sua vida sexual e do seu relacionamento. Ao mesmo tempo em que também podem se tornar grandes vilões.

Como discutimos no nosso texto, o mais importante quando se trata desse gênero de filmes é encontrar o equilíbrio. Sabendo fazer o uso dos filmes pornográficos com consciência, eles podem ser bem aproveitados por você e pelo seu parceiro (ou parceira).