PUB
mascote
Banner Favoritos
PUB


avisar antes de gozar no oral

É quase unânime o tesão que os homens sentem em receber um sexo oral gostoso, que pode ser feito por uma mulher ou por outro homem. Eu sei que para os homens é difícil ter uma coisa mais gostosa do que outra pessoa fazendo aquele trabalho: lambe daqui, chupa dali, lambuza bem, acaricia de um jeito bem safadinho. Até não se aguentar de tesão e gozar! Mas homens, é quase unânime um pedido de quem te chupa: procurem avisar antes de gozar no oral.

O fato de fazermos oral em vocês já demonstra o quanto nos importamos com o seu prazer, seja você parceiro fixo ou ocasional. Se estamos fazendo é porque queremos te proporcionar o auge do prazer. Estamos dispostos a te levar ao céu através de movimentos deliciosos e molhados. E, se você quer demonstrar que se importa com aquela pessoa que se comprometeu a te pagar um boquete gostoso, existem algumas regrinhas de etiqueta básicas.

Pois, principalmente quem baseia a própria vida sexual em filmes pornô, pode achar que tudo acontece como nos filmes. Mas se esquece que esse tipo de filmes (como grande parte deles), é cheio de efeitos especiais, cortes e atores que estão previamente cientes do roteiro. Então, vamos conversar sobre algumas regras de etiqueta básicas.

Para os homens: regras de etiqueta do sexo oral

Obviamente, ninguém aqui está te mandando fazer nada. A única coisa é que estamos te pedindo encarecidamente que leiam e considerem essas questões antes de fazer com a pessoa que vai te fazer um oral. Afinal, algumas coisas podem ser bem desconfortáveis, como não avisar antes de gozar no oral. Vem conferir!

  1. Por favor, não empurre a cabeça da outra pessoa contra o seu pênis, a menos que ela peça. Pode ser que seja o seu sonho que quem faz um boquete em você te faça a famosa garganta profunda, aquele movimento onde a pessoa engole o seu pênis. Em filmes pornô, é muito comum que a pessoa que está fazendo o oral comece o processo enquanto quem recebe o oral empurra a cabeça dela contra o pênis. Mas isso só deve ser feito em comum acordo. Ninguém está preparado para, de repente, estar um o pênis lá na garganta. Se você tem vontade, fale com a pessoa antes e só faça se ela quiser, não adianta forçar. É extremamente desconfortável e a pessoa pode engasgar e até vomitar em você.
  2. Não force nem insista em posições desconfortáveis. Como qualquer outro jeito de fazer sexo, pode ser que no oral tenham posições desconfortáveis para a pessoa que está fazendo. Dependendo, pode cansar, pode machucar o pescoço e prejudicar o desempenho. Então, se a pessoa te pedir para trocar de posição, troque.
  3. Ficar calado e parado, igual a uma múmia. Não há nada mais frustrante e broxante do que estar se dedicando naquele boquete enquanto o cara fica mudo, parado, igual a uma estátua. Nós precisamos ter um feedback, um gemido, uma agarrada no lençol, qualquer coisa que indique que você está curtindo. Esse é o combustível para continuar. Do mesmo jeito que, se não está confortável, expresse também, pois a intenção é que a experiência seja excelente para você.
  4. Não avisar antes de gozar no oral. Essa é, definitivamente, uma das mais graves e mais comuns. Por favor, homens, procurem avisar antes de gozar no oral. Muitas pessoas não gostam de ter que engolir ou então, pelo menos, querem estar preparadas para o que está por vir. E não me venha com essa de que “se está fazendo, vai ter que engolir”. Não, ninguém é obrigado. Se você tem esse fetiche, não há nada melhor do que conversar com sua parceira (ou seu parceiro) para ver se a pessoa topa. Do mesmo jeito que você pode avisar antes de gozar no oral e gozar no rosto, nos seios, onde a pessoa preferir. Sempre pergunte antes. No cabelo e nos olhos, normalmente, não é bem-vindo. Nos olhos, pode até causar irritação. Nos cabelos, pode ser que a pessoa não tenha como lavar o cabelo naquele dia ou algo do tipo, então respeite.

Por que é questão de etiqueta avisar antes de gozar no oral?

Homens, não pensem que é besteira ou frescura quando te pedem para avisar antes de gozar no oral. Essa é uma consideração que vocês devem ter com a pessoa que se dispôs a te pagar um boquete gostoso. Pode ser que a pessoa não goste de engolir, que não goste do gosto, da textura ou que ache anti-higiênico mesmo. Se você avisar antes de gozar no oral, a pessoa consegue “direcionar o jato” para alguma outra região mais confortável para ela. Da mesma forma que, se a pessoa optar por engolir, ela vai querer estar preparada para o momento em que vai ficar com a boca cheia (risos).