PUB
mascote
PUB


  • Início
  • Blog
  • Sexo
  • Tudo o que você precisa saber sobre HIV: nem sempre os sintomas são silenciosos
O que saber sobre HIV

Continuando com as informações sobre tudo o que você precisa saber sobre o HIV, temos até uma parte 2 desse texto. Afinal, se manter bem informado (a) nunca é demais, não é mesmo? Fique então a par do que saber sobre HIV...

Tudo o que você precisa saber sobre o HIV: Sabia que, nem sempre, os sintomas são silenciosos?

Isso mesmo! Existem muitas pessoas que pensam que o vírus do HIV faz com que as pessoas tenham sintomas silenciosos, quase imperceptíveis. Mas isso não é verdade. Assim que o organismo tem contato com o vírus, o sistema imunológico começa a sofrer ataques.

Em um primeiro momento, há uma fase que se chama infecção aguda. Nesse período, que pode durar entre 3 e 6 semanas, os primeiros sinais da doença já podem começar a se mostrar, como se fossem uma gripe: com febre e mal-estar geral.

Somente após um período entre 8 e 12 semanas que o organismo começa a produzir os anticorpos que combatem o vírus do HIV, atenuando os sintomas.

Pelo fato de os sintomas serem leves e generalizados, muitas pessoas os confundem com outras coisas e acham que nunca apresentaram sintomas de HIV quando, na verdade, apresentaram sim. Se você suspeitar de infecção pelo vírus, procure auxílio médico o quanto antes.

Tudo o que você precisa saber sobre o HIV: quase 37 milhões de pessoas no mundo têm o vírus

É muita gente, não é mesmo? Mas grande parte dessas pessoas leva a vida normalmente, mesmo carregando o vírus do HIV no corpo e sabendo disso. E muitas fazem a terapia antirretroviral, a fim de impedir a replicação do vírus no corpo. Cabe destacar que esse tratamento tem que durar a vida toda.

Tudo o que você precisa saber sobre o HIV: existem testes de farmácia que podem te ajudar a descobrir se tem HIV

Muitas pessoas, quando desconfiam se se expuseram ao vírus do HIV, terminam tendo vergonha de buscar atendimento médico ou de realizar exames laboratoriais. E, por isso, podem demorar a descobrir se têm o vírus e deixá-lo se replicando no organismo durante esse tempo, o que não é certo.

Afinal, o quanto antes descobrir se, realmente, tem o vírus circulando da sua corrente sanguínea ou não, é possível que se inicie o tratamento e atenue o HIV mais cedo. Mas então, como proceder caso não queira ou não possa ir a uma consulta média ou realizar um exame laboratorial?

No Brasil, existe um teste de HIV que pode ser comprado em farmácias. Ele se chama Action e garante 99,9% de efetividade no resultado. Se tiver dúvidas, vale a pena tentar!

Tudo o que você precisa saber sobre o HIV: onde mais realizar testes para saber se tem o vírus?

Existem Centros de Testagem e Aconselhamento (CTA) nos quais podem ser realizados o diagnóstico e a prevenção dessa e de outras DSTs. Pesquise na Internet qual é o mais próximo da sua região, caso sinta que precise.

Tudo o que você precisa saber sobre o HIV: no Brasil, o tratamento é feito de forma gratuita

O tratamento para o vírus do HIV e para a Aids é disponibilizado de maneira gratuita pelo Ministério da Saúde no Brasil, independentemente de qual seja o estágio no qual a pessoa se encontra. Mas isso não é desculpa para se descuidar e se expor aos perigos do vírus não, ok? Se cuide!

Tudo o que você precisa saber sobre o HIV: para homens e mulheres, o risco de contrair o vírus é o mesmo

E nada dessa ideia de que homossexuais são mais propensos a contrair HIV do que os heterossexuais. Existem algumas situações onde o risco é aumentado, como durante o sexo anal desprotegido (tanto para homens quanto para mulheres). O atrito pode fazer fissuras (pequenas feridas) e favorecer a contaminação.

Durante o sexo vaginal, se existe alguma ferida ou inflamação, o risco de transmissão é aumentado também. Da mesma maneira que, existindo machucados na boca durante o sexo oral, o risco também é bem grande.

Mas, fora esses casos “especiais”, se tudo acontece de maneira normal e as pessoas envolvidas não têm feridas ou nada do tipo, o risco de transmissão é o mesmo para homens e para mulheres.

Tudo o que você precisa saber sobre o HIV: ele não tem cura

Uma vez infectado (a) com o vírus do HIV, a pessoa tem que conviver com ele durante toda a vida, não tem jeito. Por mais que existam os remédios que proporcionem uma qualidade de vida melhor a quem tem o HIV, ele nunca é curado.

Tudo o que você precisa saber sobre o HIV: o preservativo é o método mais eficaz de prevenção

A maneira mais fácil, barata e eficaz de prevenção contra o vírus do HIV até hoje é o preservativo. Por isso, nunca deixe de fazer uso dele, independentemente de qual seja o tipo de sexo que você irá fazer. Cabe lembrar que ele é super barato e é distribuído gratuitamente em diversos Postos de Saúde.